Após não pagar táxi, americana é condenada a caminhar 48 km

Pena incomum foi aplicada por juiz no estado de Ohio.
Jovem teve que caminhar 30 milhas com tornozeleira eletrônica.

Um juiz de Ohio aplicou uma punição curiosa a uma jovem acusada de não pagar uma corrida de táxi. O juiz Michael Cicconetti, do condado de Lake, condenou Victora Bascom a caminhar 30 milhas (48 km) com uma tornozeleira eletrônica.
Victora Bascom foi condenada a caminhar 30 milhas (48 km) com tornozeleira eletrônica
(Foto: Reprodução/YouTube/NEWS NewsChannel5 )
Victora foi condenada depois que ela e um amigo pegaram um táxi em uma viagem de 30 milhas de Cleveland a Painesville, mas não pagaram a corrida de US$ 100. O taxista acabou entrando com um processo contra a jovem.
Durante o julgamento, Cicconetti deu duas opções para Victora: passar 30 dias na prisão ou andar 30 milhas (48 km) em 48 horas "Eu nunca fui presa e eu não queria ir para a cadeia", disse a jovem, que preferiu a fazer a caminhada.

Fonte: Planeta Bizarro