Cãozinho é atropelado, enterrado vivo, queimado, congelado,baleado e enforcado mas dá a volta por cima


Foto: ilustrativa
O cãozinho Berê é um exemplo de superação. Seu antigo dono, um agricultor do inteiror de Mato Grosso, não queria criá-lo e por isso tentou matá-lo de muitas formas. Atropelou, enterrou vivo por 5 meses, enforcou, baleou, deu veneno, jogou de um avião, colocou fogo, afogou, congelou, pôs no microondas, empurrou escada abaixo e ainda fez bullying com o animal no facebook.
A monstruosidade do dono, que ainda não foi identificado, chamou a atenção das autoridades mato-grossenses, que estão à sua caça.
Ao contrário de todos os prognósticos da veterinária, Berê foi adotado por um jogador de hóquei chamado Jason Machado, se recuperou, fez faculdade e hoje dá aulas gratuitas de economia doméstica numa ONG de São Paulo.