Padre acidentalmente apresenta pornografia gay para fiéis

O padre Martin McVeigh estava para começar mais uma de suas palestras, diante de 26 pais e uma criança de oito anos, quando o inesperado aconteceu. Ao conectar seu USB ao computador, para começar sua apresentação em Powerpoint, ao invés de aparecer o slide com as palavras de deus, o computador começou a rodar um slideshow com pornografia homossexual. Tudo culpa do autoplay do Windows.
Alguns pais, que estavam presentes para ouvir o padre McVeigh falar sobre Primeira Comunhão, ficaram muito zangados. E outros ficaram em choque, tal como o próprio padre. Segundo testemunhas, McVeigh ficou tão envergonhado que desconectou o drive USB e saiu do recinto sem pronunciar uma única palavra. “Eu não sei como isso aconteceu, mas sei o que aconteceu”, declarou o padre mais tarde à imprensa. “Algumas pessoas estão fazendo insinuações, mas sequer estavam lá”.
A arquidiocese de Armagh, na Irlanda do Norte, a qual o padre pertence, chamou a polícia e entregou o drive UBS para investigação. A polícia, contudo, disse aos responsáveis pela arquidiocese que não havia crime algum em assistir pornografia gay e que não havia nenhum conteúdo relacionado à pedofilia.
De acordo com o jornal local The Ulster Herald, a arquidiocese convocou uma reunião de última hora para discutir o ocorrido, já que padres gays parecem ser algo raro, segundo a visão da Igreja. 
Fonte: HypeScience